Warning: mysqli_real_connect(): Headers and client library minor version mismatch. Headers:50556 Library:50628 in /home/storage/5/69/26/newgruposcalco3/public_html/wp-includes/wp-db.php on line 1626
A Pirâmide da Boa Vida: um caminho para Prosperar (Parte 2) – Grupo Scalco

A Pirâmide da Boa Vida: um caminho para Prosperar (Parte 2)

continuação…

Terceiro patamar: cultivar o relacionamento.

Se concordamos com os nossos pais e nos amarmos, estamos prontos para um relacionamento.

Porque quando não amamos nossos pais e não nos amamos, esperamos que nossa(o) esposa(o) ame.

E ama!

Só que não sentimos o amor.

Por que não sentimos o amor?

Porque é o amor do pai e mãe e o próprio amor que procuramos.

Então, nos amando, podemos cultivar um lindo casamento, um lindo namoro.

Assim alcançamos uma relação de muita parceria com aquela pessoa que encontramos e que escolhemos caminhar junto por toda a vida.

E amar, nesse caso, significa concordar com a/o esposa/marido, com o jeito de ser. Não tentar mudar o outro.

Não devemos tentar mudar, mas amar as pessoas.

O marido derrama amor na esposa. A esposa derrama amor no marido.

Exatamente assim!

Um não educa, não treina, não corrige, não aperfeiçoa, não desenvolve, não recicla o ouro.

Mas ama e derrama amor até transbordar amor para os filhos. Nosso terceiro patamar.

E o filhos sentem-se amados.

Trata-se de uma simplificação, uma idealização, ainda que não seja tudo bonitinho assim.

O caminho é árduo.

Mas devemos saber que por esse caminho e alcançando o propósito de derramar amor é que conseguimos cuidar da carreira, empresa, ter sucesso, dinheiro, ajudar os clientes…

As coisas funcionam porque transbordamos coragem, porque amor é coragem. Coragem é força que vem do coração. Essa é a Pirâmide da Boa Vida.

Vamos a um exemplo para compreender na prática a Pirâmide da Boa Vida.

De tempos em tempos frequento uma churrascaria que requer um considerável investimento.

Já frequentei com minha família, mas no começo não foi assim.

Porque não era possível.

Lembrei sempre de quem cuidamos primeiro, depois de honrar os pais: nós mesmos.

Por isso, a ordem foi a seguinte:

1) Primeiro sozinho;

2) Depois de algumas vezes sozinho, passei a ir com a esposa;

3) Com o tempo, passei a frequentar com a esposa e os filhos.

Isso não tem nada a ver com egoísmo.

Não devemos sentir culpa porque nosso avô ganhava um salário mínimo, pois se ele soubesse que estamos nos cuidando, ficaria feliz.

E é assim com os pais. E é assim com a esposa.

E no caso dos filhos, para dar afeto a eles, antes precisamos nos cuidar, nos dar carinho, reconhecimento.

E um exemplo disso é ir na churrascaria que eu estou falando.

Uma vez a cada semestre sentar numa churrascaria e dizer: 

“- Tu és um grande homem! Tu és digno! Tu és trabalhador! Tu estás pagando todas as tuas dívidas! Tu entregas um serviço de excelência!”

Se eu não sou capaz de fazer isso por mim, como que eu vou dar amor pra minha esposa e para meus filhos? Como?

Não dou! Nem eu e nem nenhum de nós.

Mas eu entendo! Porque eu tinha um fiozinho de culpa.

E é isso o que todos sentimos.

Damos tanto para os nossos filhos quando não tomamos todo o amor dos pais.

Como consequência, desejamos ser para os filhos, melhor que os pais.

Precisando da aprovação dos filhos, do reconhecimento dos filhos, não suportando o “beiço” dos filhos, a “raivinha” dos filhos. 

Mas como é que eu vamos cuidar dos frutos sem cuidar da árvore?

Vivendo todo esse amor, hierarquicamente, fica mais fácil trabalhar e entregar o nosso melhor.

Fica mais fácil prosperar, ganhar dinheiro.

Essa é a Pirâmide da Boa Vida: Pais – Eu – Casal – Filhos – Riqueza.

 E essa é a parte simplificada dela.

Ela tem mais degraus que trabalhamos na nossa Imersão: Leis da Vida.

Que possamos percorrer cada um desses degraus para ter uma vida verdadeiramente PRÓSPERA.

Restou alguma dúvida?

Deixe aqui nos comentários:



Sobre o autor:

Marcel Scalcko atua com desenvolvimento de pessoas há mais de 22 anos. Guiou mais de 50.000 pessoas para uma vida mais leve e realizadora.

Após construir uma vasta experiência no campo do desenvolvimento humano, observou e documentou as 9 Leis da Vida e transformou esse conhecimento em um treinamento imersivo e único no Brasil.

É especialista em técnicas e procedimentos de desenvolvimento psico-emocional, como as constelações familiares e empresariais, que procuram guiar pessoas e organizações ao seu máximo potencial.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é telegram_horizontal-2.png



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *